Marketing de Conteúdo no sector das TI

A importância do Marketing de Conteúdo para o setor das TI

O setor das TI ( Tecnologias da Informação) é um dos principais fatores de transformação do mundo e do comportamento da sociedade. Todos os dias, aplicações, serviços, softwares, gadgets e soluções tecnológicas, atuam como verdadeiros motores de mudança em muitos aspectos, desde as grandes indústrias, às atividades mais comuns do nosso quotidiano. Apesar do ritmo acelerado e do avanço, muitas vezes o setor das TI, parece não acompanhar devidamente a importância do Marketing de Conteúdo nas empresas.

Mais do que um website visualmente bem feito e até mesmo com funcionalidades interessantes, é preciso investir em conteúdo de qualidade e educativo, a fim de ajudar os seus visitantes e clientes. Produzir conteúdo relevante deve entrar na lista de prioridades e estratégia das empresas de TI e não ser apenas um estágio de “uma estratégia adicional”. Além de informar, educar e preparar os atuais e possíveis utilizadores do serviço ou produto da empresa de TI, os conteúdos são os grandes aliados da equipa de vendas e do crescimento da marca no mercado.

a importancia do conteudo para o setor das ti

Fonte: http://markeninja.com.br/wp-content/uploads/2016/06/inbound.jpg

Por onde começar a estratégia de conteúdo da minha empresa?

Definir uma estratégia de conteúdos não é uma tarefa simples. Não estamos a falar apenas em publicar dicas de programação de determinada ferramenta, snippets de código ou uma ou outra informação técnica. É fundamental seguir alguns passos para garantir o sucesso da sua estratégia. Esse sucesso significa o acesso aos seus materiais, à consulta frequente e à educação do seu visitante ou lead, que ao longo de uma estratégia de nutrição com conteúdo rico e relevante ao seu negócio se possa converter em oportunidade e até mesmo em cliente.

Apesar da aparente complexidade, não é preciso ficar preocupado ou achar que estamos a falar de algo fora do seu alcance. Com alguns pontos, que servem como um verdadeiro guião, conseguirá planear as suas ações, definir a sua estratégia de conteúdo e alcançar os resultados para a sua empresa.

1. Identifique as suas personas e conheça as suas dores

Um dos maiores benefícios do Marketing de Conteúdo é poder mostrar ao seu cliente que o conhece bem e que entende todas as suas dores de negócio. Este primeiro passo não é nada mais do que (1) conhecer o seu cliente – identificando as personas – e (2) identificar o que é que o seu cliente escreve no motor de busca quando procura uma solução – conheça as suas dores. É por esta razão que é preciso ter um contato direto com a equipa de vendas, pois são eles que lidam diretamente com os clientes e todos os dias escutam as suas preocupações e problemas mais recorrentes.

Entender as dores é saber exatamente quais são as perguntas que devem ser respondidas e, além disso, a quem se dirigem.

Será que sabe exatamente com quem a sua empresa deve falar?

Por mais que seja do setor das TI é possível que em alguns momentos seja necessário dirigir a sua mensagem para os diretores, que são aqueles que tomam as decisões, outras vezes para analistas, que precisam de orientações mais práticas, e muitas outras para a equipa de suporte, que precisa de saber mais sobre a sua solução. Consequentemente, os assuntos, as dores e as palavras-chave são diferentes para cada um destes interlocutores, que podem ser encontrados no mesmo cliente/empresa. Assim o tipo de conteúdo deverá ser direcionado para atender às necessidades de cada uma dessas personas em cada momento da Jornada de Compra.

2. Faça um planeamento com base nas palavras-chave

Já sabemos que a maneira como os utilizadores fazem as suas pesquisas no Google transformou-se por completo. Se durante anos, as pesquisas eram feitas simplesmente a partir da soma de palavras, por exemplo, “gestão financeira software”, há algum tempo tornaram-se cada vez mais orgânicas, como por exemplo: “Como escolher um software de gestão financeira”.

A sociedade muda e os motores de busca também. O Google atualiza regularmente os seus tão temidos algoritmos de forma a valorizar os websites com conteúdos de maior qualidade e que sejam, de facto, relevantes. Sendo assim, qualquer estratégia de conteúdo precisa de começar com uma pesquisa das principais keywords, ou em português palavras-chave, que sejam relacionadas ao tema que vai abordar.

a importancia do conteudo para o setor das tiHá diferentes maneiras de fazer este trabalho. A primeira e mais simples delas é escrever, no campo de pesquisas do Google, algo mais genérico como, por exemplo, “Como escolher software de gestão financeira”. Ao fazer scroll na barra até ao final da primeira página vai encontrar pesquisas relacionadas, que podem ajudá-lo a criar temas que sejam mais específicos.

Outra maneira de definir as suas palavras-chave é com o Google Keyword Planner que permite uma pesquisa com segmentação mais avançada e a criação de campanhas ou, em alternativa, o Ubbersuggest, que é completamente gratuito e não apresenta grandes dificuldades para a experiência do utilizador.

3. Conteúdo e jornada de compra: o quê e onde publicar?

Com as personas definidas e uma pesquisa de palavras-chave feita com atenção, é chegada a altura de planear o que realmente vai ser publicado e quais os melhores canais para cada tipo de conteúdo. Para definir tais pontos é fundamental perceber a Jornada de Compra do seu lead e, um pouco mais, sobre o Funil de Vendas do Inbound Marketing. Para explicarmos isso de maneira clara, vamos novamente considerar uma empresa que vende um software, com preço acessível, de gestão financeira para pequenas e médias empresas.

Aprendizagem e descoberta

Este é o primeiro contacto do visitante com o seu conteúdo, este é o momento certo de chamar a atenção com materiais de conhecimento mais generalistas e que ajudem na atração dos leads. Nesta etapa, é preciso produzir bastante conteúdo, tentando assim resolver as mais diferentes dúvidas e em diferentes canais. É fundamental trabalhar nas melhorias do seu website, dar atenção ao SEO/SEA, as redes sociais, eventos, assessoria de imprensa e, claro, ao blog. Para isso, podemos pensar em conteúdos que abordem temas abrangentes. Uma vez mais, pensemos num blog de uma empresa de software de gestão financeira:

  • X Dicas para organizar a gestão financeira da sua empresa
  • Os melhores vídeos sobre gestão financeira que que tem de ver
  • Atitudes práticas que ajudam na gestão financeira das empresas

Estes são conteúdos que chamamos de topo de funil e que ajudam a atrair visitantes ao seu website.

Reconhecimento do Problema

Agora um passo à frente. O seu lead já está mais educado sobre o tema e consegue visualizar melhor qual é o seu problema. No blog ou redes sociais, já é preciso abordar temas que ajudam o visitante a perceber o seu problema, mostrando-lhe assim, que existem várias maneiras de resolvê-los.

Atenção, ainda não é hora de falar da sua empresa, combinado?

  • Checklist para organizar a gestão financeira
  • Template de folha de gestão financeira
  • Webinar com um especialista em gestão financeira

Nesta fase devem ser criadas ofertas a partir de Call-to-Actions, Landing Pages com Formulários e Páginas de Agradecimento, para que possa transformar a oferta do material na conversão dos seus visitantes em leads e, consequentemente, aumentar a sua base de contactos.

Consideração da Solução

O seu lead já está mais maduro e agora quer realmente saber como resolver o problema.

Chegou a hora de apresentar a sua solução, mas calma, não estamos a falar apenas de anúncios e publicidades. Lembre-se que o nosso tema aqui é Marketing de Conteúdo para o setor das TI e é através desta estratégia que vamos conduzir o visitante em lead, depois oportunidade, direcionando-o deste modo ao longo da jornada de compra. Esse é o nosso objetivo e para isso pode trabalhar canais diversos como a automação do e-mail marketing, materiais ricos como eBooks, Infográficos, Casos de Sucesso, Apresentações e Artigos que já permitem mencionar os seus serviços de forma subtil. Algumas sugestões:

  • X soluções para gestão financeira
  • As melhores ferramentas para a gestão financeira da sua empresa

Aqui é a hora de qualificar o seu lead direccionando-o para a sua equipa de vendas. Mais uma vez, é imprescindível um trabalho alinhado entre o Marketing e a equipa de vendas; só assim é que a sua estratégia de Marketing de Conteúdo terá sucesso.

Decisão de compra

Agora sim pode falar da sua empresa. O lead já aprendeu, analisou e vai comparar com as outras opções do mercado. Adiante-se e crie conteúdos que mostrem os seus benefícios perante os concorrentes, se possível, ofereça um período de teste gratuito do seu serviço e tudo isto em conjunto com a equipa de vendas, que deve assumir a jornada a partir deste ponto.

4. Torne-se uma autoridade no seu segmento

A era de simplesmente vender o seu produto/serviço já passou.

O momento é outro: o da educação e confiança.

Nada é mais forte para conquistar um novo cliente do que educá-lo, fazê-lo entender o valor da sua empresa e a forma como o pode ajudar a crescer no mercado.

O Marketing de Conteúdo influencia diretamente a autoridade e notoriedade da sua empresa e oferta no mercado Com conteúdo educativo planeado, produzido e partilhado com cadência e consistência, começará a médio/longo a chamar a atenção o mercado e a tornar-se uma referência na sua área de atuação dentro do setor das TI. Além de simplesmente vender mais, as empresas de TI precisam de se posicionar na web e no mercado como um agente de autoridade, como uma fonte de informação credível e de conhecimento para os seus visitantes, possíveis clientes e atuais clientes.

O conhecimento é o maior ativo que a sua empresa de TI poderá ter e saber como partilhá-lo e onde partilhá-lo, contribuirá para um melhor posicionamento no mercado versus os outros players.

Fale connosco para saber como é que a OUTMarketing o pode ajudar na Produção de Conteúdo!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment