Devo investir em Facebook Ads ou Google AdWords?

Para garantir a competitividade, qualquer investimento feito em marketing digital tem de ser rentabilizado ao máximo e a publicidade online não é excepção. Garantir que o valor investido tem o retorno esperado, depende de uma correta escolha da plataforma onde anunciar. A questão que se impõe é:  Facebook Ads ou Google Adwords – onde deve investir? 

Vantagens de investir em anúncios pagos

Antes de mais, é importante perceber algumas das principais vantagens de investir em anúncios pagos:

1 – Aumentar a visibilidade e atrair potenciais clientes, mesmo em estágios iniciais.

2 – Impulsionar a estratégia de Inbound Marketing através de critérios de segmentação, disponíveis em ambas as plataformas. Desta forma, é possível direccionar campanhas para personas específicas, independentemente do estágio do funil de marketing em que se encontram.

3 – Diminuir o ciclo de vendas,  através de anúncios bem construídos, com uma comunicação direccionada, que ajudam o lead a avançar mais rápido no funil de marketing e a concretizar a compra.

 

Facebook Ads ou Google Adwords – onde deve investir? 

Google Adwords

É ideal para atrair leads qualificados em estágios mais avançados do funil de marketing, ou seja, mais próximos da compra. Para este efeito, as campanhas realizadas na Rede de Pesquisa são as que produzem melhores resultados.

Neste tipo de campanhas, o anúncio é exibido no momento exato em que o potencial cliente está a procurar ativamente por algo, o que garante maiores taxas de resposta e conversão. Este tipo de anúncios pode direccionar para um website, uma landing page ou uma página nas redes sociais. A campanha baseia-se na escolha de uma palavra-chave e quando é feita uma pesquisa por aquela palavra-chave, o anúncio aparece nas posições de topo, junto com os resultados da pesquisa orgânica. O custo é por clique, ou seja, só se paga quando alguém realmente clicar no anúncio. Além de gerar leads que poderão mais facilmente tornarem-se clientes, é uma ótima plataforma para ações de remarketing.

O Google Adwords é uma ferramenta já consolidada no mercado, e com um enorme alcance. No maior motor de pesquisa da internet, o Google, são feitas mais de 40.000 pesquisas por segundo e 180 bilhões de pesquisas por mês. Com o Google Adwords, são mais de 2.6 bilhões de pesquisas mensais exibidas pelos anunciantes, o que gera um potencial de alcance de 90%, em todo o mundo.

 

Facebook Ads

É ideal para atrair potenciais clientes em estágios iniciais do funil de vendas, ou seja, no momento em que estes podem ainda não ter demonstrado interesse na sua marca, produto ou serviço.

Neste tipo de campanhas é possível criar anúncios recorrendo a um elevado nível de segmentação, graças às informações disponibilizada pelos utilizadores nos seus perfis pessoais. O custo é por número de visualizações (CPM) ou por cliques (CPC). Em termos de criatividade, são permitidos imagens e textos que podem ser reencaminhados para um website ou uma fanpage da empresa. Desta forma, através do Facebook Ads permite criar uma relação de confiança com o potencial cliente, a ser desenvolvida ao longo do tempo, e que permitirá que a sua marca seja top of mind no momento da decisão de compra.

O Facebook possui mais de 1.28 bilhões de utilizadores ativos por mês e chega a ter mais de 1 trilião de visualizações mensais, o que gera um potencial de alcance em torno de 43.8%.

 

Em resumo, o Google Adwords é uma boa opção para angariar leads qualificados, pois permite comunicar com quem está ativamente à procura daquilo que tem para vender. Por sua vez, o Facebook Ads permite criar notoriedade no mercado, através do envolvimento a médio/longo prazo com uma audiência segmentada.

 

Precisa de ajuda para implementar uma estratégia de Facebook Ads e Google Adwords? Entre em contacto connosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Publicar Comentário